O Autor




Fabricio Pupo Antunes
Nasci em 12 de junho de 2003 na cidade de Campo Grande – MS. Sou estudante do segundo ano do Ensino Médio, bolsista ICJ/CNPq.

Ao longo da minha vida escolar participei de vários eventos ligados a diferentes áreas do conhecimento. Fui campeão estadual no Concurso de Redação da CGU – Controladoria Geral da União. Fui medalhista por três anos consecutivos da OBA – Olimpíada Brasileira de Astronomia, finalista por dois anos consecutivos da OBI – Olimpíada Brasileira de Informática, medalhista por três anos da Olimpíada Matemática Sem Fronteiras.

No ano de 2016 fiz parte da delegação brasileira no evento 7th International Yong Mathematicians Convention IYMC, realizado em Lucknow, na Índia. Em 2016 fui finalista nas feiras FECINTEC, realizada pelo Instituto Federal de Mato Grosso do Sul e da FETEC MS realizada pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul.

Em 2017 fui campeão estadual e vice-campeão nacional no 46° Concurso Internacional de Redação de Cartas da UPU (União Postal Universal/Berna – Suíça) realizado pelos Correios.

Em 2017 dei início ao desenvolvimento do  projeto de pesquisa Estudo sobre sexo, gênero e orientação sexual a partir da análise literária da obra A Garota Dinamarquesa de David Ebershoff , que foi finalista na FECINTEC 2017; 1º lugar na Mostra Científica do Cerrado 2017, realizada em Campo Grande – MS; 3º lugar na MCTEA, realizada em Abaetetuba no Pará; foi credenciado para Feira Ciência Jovem 2018, realizada em Pernambuco e 1º lugar na área de Letras, Artes e Linguística na FETEC MS 2017, sendo credenciado para FEBRACE 2018.

No ano de 2018 o projeto ganhou o 1º em Ciências Humanas na FEBRACE – USP, o prêmio Unidades da Federação  de melhor projeto do estado de Mato Grosso do Sul, além do credenciamento para VENCES no México. Em julho o projeto recebeu a Menção Honrosa na 70° SBPC realizada na UFAL em Maceió-AL em reconhecimento ao mérito do trabalho e ao conjunto dos dados da pesquisa.

Ainda em 2108, através da bolsa de Iniciação Científica CNPq que recebi na FEBRACE, comecei a ser orientado pelo Prof. Dr. Tiago Duque da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul e comecei o desenvolvimento do projeto de pesquisa A produção das identidades em ambiente escolar: experiências contemporâneas de jovens dissidentes de gênero e sexualidade nas escolas de Mato Grosso do Sul inspiradas na obra A Garota Dinamarquesa. O projeto de pesquisa foi premiado com o 1º Lugar em Ciências Humanas na FECINTEC, nesta mesma feira também foi premiado como melhor projeto do Ensino Médio. Ganhou o 1º Lugar Categoria Geral na FETEC MS 2108 e ganhou credencial para FEBRACE 2019. Em março o projeto foi apresentado na  FEBRACE – USP onde  foi premiado com o 1º Lugar em Ciências Humanas.

Para mais informações acesse o link: http://lattes.cnpq.br/6952217061277869



Galeria de Fotos